Popularidade x Qualidade

Ragnarok grupo – Calendário Ragnarok 2011 – Ilustração selecionada no RWC 2011

Acredito que todos nos deparamos com concursos onde a decisão é dada pelo povo ou público, as proprias eleições são feitas através do gosto da maioria (sarcasmo ligado). Mas esse post não veio comentar sobre política, e sim sobre Concursos de Arte.

 

Um concurso basicamente é, um torneio onde os competidores vão ser avaliados dentro de uma série de critérios pré estabelecidos, como estamos falando de Arte, tais critérios podem ser : diagramação, cores, qualidade do traçado, criatividade, uso do tema em questão – se houver um – , ou qualquer outro critério que seja necessário para o tipo de Arte – já que no caso eu estou citando Ilustrações –.

 

Aqui temos um embate, quando um concurso é colocado para votação pública, onde qualquer pessoa independente do grau de estudo, idade ou conhecimento na área são postos para votar:

  • os critérios pré estabelecidos são realmente colocados em questão!?

 

Então estamos com um paradigma – do meu ponto de vista simples, mas eu chego lá – onde temos vários critérios pra ser avaliados, no entanto, essa avaliação está nas mãos de pessoas que podem ou não observar tais critérios. Sendo assim, não temos um “concurso de Arte” e passamos ao que chamo de: “Concurso de Popularidade” ou de forma mais ríspida, “Mendicância de Likes!“.

 

Mas alguém pode dizer: “ Mas se uma arte é realmente bonita as pessoas vão votar na mais bonita!“, pode até ser, mas o ser humano é uma criatura cheia de surpresas, sejam elas boas ou ruins, mas vou tirar pela minha experiência direta e indireta.

O que ‘geralmente acontece’ é que o fulano que tem uma rede social maior, um maior número de “chegados” ou que está em maior evidência na mídia, acaba recebendo um número extraordinário de  Likes.

 

Ah! mas se ele está na mídia, então ele deve ser um bom artista!“, nem sempre, afinal, uma pessoa pode ser conhecida por vários motivos, por um vídeo engraçado na net, um blogueiro, moderador de site, além do que, atualmente não é difícil torna-se uma celebridade relâmpago, você só precisa fazer algo incrivelmente idiota e engraçado que as pessoas compartilham e tornam uma febre – mas não vou me apegar a esse assunto -.

 

Então uma pessoa pode fazer um “boneco palito” e por ser o boneco palito de “fulano de tal” todos dão seus Likes, sem se importar do que se trata ou se as outras artes são melhores ou não. Ou mesmo você que tem um amigo que desenha,  e ele te pede pra você votar, porque ele vai ganhar isso, isso e aquilo  e você sequer sabe do que se trata, não viu os outros competidores, e vai votar no seu amigo do coração.

 

Note que dessa forma, os critérios pré estabelecidos não são colocados em questão, e de longe não é uma forma apropriada de se julgar Arte.

 

Mas então você irá questionar: ” Cada pessoa é livre pra escolher se vai votar no melhor ou em qualquer um!” de fato, isso está correto! Mas o que quero chamar atenção, não é para as pessoas que fazem Bairrismo, mas sim para a forma de organização do concurso.

 

Porque se o concurso tem como objetivo escolher a melhor Arte, acredito que a popularidade da pessoa que a produziu nada tem haver com a qualidade da arte que ele produz . Certo que muitos artistas se tornam famosos, mas não é a fama que torna a arte boa, e sim o fato da arte ser boa que lhe atribui fama.

 

Então para fechar esse assunto, que fique claro, uma organização de concurso de Arte coerente, se faz através de regras claras e objetivas e principalmente da escolha de uma boa Bancada de Jurados, pois uma votação popular não garante que a melhor arte será a escolhida.

 

Então por fim não satisfeito você comenta: “Falhas humanas, jurados comprados, corrupção e robalheira“, e eu completo,  sempre tem em qualquer lugar do mundo e podem acontecer ou não! – critério da dúvida -, assim como as pessoas podem votar na melhor, escolher o amigo ou aquele tio que vi no vídeo do Youtube,  mas ainda sim, ser julgado por uma bancada  é mais justo do que uma votação popular guiada por leigos ou bairrismo.

Anúncios

3 comentários Adicione o seu

  1. Midori disse:

    Gostei do tema Mari ^^

    A forma que escreveu parece um pouco lavação de roupa XD, mas ficou bem bacana esse seu alerta a respeito dessas coisas ^^.
    Mas como eu disse, se a vida te dá limões… taque de volta XD. Ok, não XDDDDDDD…

    Não esquente com essas coisas, como você mesmo disse… esse tipo de fama é relâmpago. Se a pessoa não for boa o suficiente para manter seu trabalho acaba caindo no esquecimento ^^.

    Beijos e continue com o ótimo trabalho ^^.
    Espero ver muitas coisas novas no blog ^^!

    ^^/

    Curtir

  2. Adriana Yumi disse:

    Yoo Mari!
    Ah vira e mexe eu passo raiva com esse tipo de coisa, é por isso que concurso pra mim agora só com juri fechado mesmo, porque esse lance de voto público sempre vai ter um que vai ficar mendigando votos…poxa, pra mim isso é desmerecer seu trabalho! Significa que você não confia totalmente nele pra ficar pedindo pros amiguinhos irem votar.
    E é como você mesma falou, muita gente acaba indo votar em prol do amigo e não vê as outras artes concorrentes, ou procurar saber sobre o concurso em detalhes. Acho isso errado da parte de quem está votando também.

    Claro, se for comparar tem muita coisa errada por aí, mas vamos tentar ser justos ao menos nesses concursos!
    E se tem uma coisa que eu ODEIO mais que tudo nesse mundo é injustiça. Pra mim é o cúmulo favorecer uma pessoa que rabiscou um boneco de palito do que uma pessoa que caprichou nos detalhes do desenho e fez tudo bonitinho.

    E não tenho medo de falar o que penso a respeito disso não. É minha opinião e meu ponto de ver as coisas.

    #prontofalei

    Curtir

  3. FredSpekman disse:

    Realmente esta é uma questão muito difícil. Concurso aberto com votação pública é uma faca de dois gumes. Os argumentos que foram colocados estão corretos, nós temos nos facebooks, twitters etc. uma série de piadinhas por exemplo estilo: “Faça você mesmo”. Funciona da seguinte forma: tem uma foto ou ilustração e as pessoas escrevem lá o que acham engraçado e mandam para todo mundo. Em poucos instantes aquilo “viralisa” e se torna sucesso. Hoje tem até camisas com essas ilustrações para vender e, quem lançou a moda, com certeza deve ter um monte de seguidores no seu blog, facebook ou twitter. Tem muita gente que acha que isso é arte, eu sou de opinião de que é moda, e não arte. Mas não é minha intenção criticar a moda, pois a moda tem sim o seu valor. Quem analisa friamente sabe que tendências vão sempre existir porque a grande maioria das pessoas tem dificuldades de decidir as coisas por si só e sempre vão procurar aquilo que no momento for indicado como bom gosto. Só que, repito, isto não deve ser confundido com arte. Na internet hoje, temos muita gente que tem esta facilidade de lançar moda e atrair pessoas e também temos verdadeiros artistas praticamente desconhecidos por não terem esta capacidade de atrair o público. Muitos seres humanos sofrem com este tipo invisível de castigo, são tão bons quanto qualquer outro, mas no sistema capitalista as pessoas precisam “vender” a imagem e isso muita gente mesmo não sabe fazer. Na minha opinião isso não é culpa delas, pois muitas vezes é justamente a inocência, ou fúria, ou beleza que estar fora da realidade simplória do sistema que faz com que a arte que produzem serem tão boas. Quando se lança um concurso artístico composto de juri, eu creio que a busca é exatamente destes artistas que são bons, mas que são diamantes brutos e não foram lapidados pelo sistema. Infelizmente, a busca por critérios de análise muitas vezes faz com que ocorra o mesmo erro da popularização porque cria barreiras ou fórmulas para decidir o que é belo ou não. É isso que torna os Concursos Artísticos complicados, basta ver em olimpíadas onde você vê em ginástica artística uma apresentação que você acha impecável, mas na visão do juri ouve um posicionamento errado da atleta e com isso ela perdeu pontos. Julgar a arte nunca será unanimidade. Entretanto, sou de opinião que buscar fórmulas para tentar ser justo é, sem dúvidas, o melhor caminho.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s